• REDAÇÃO MARKET9

Cozido de cavalinha com nabo

Dezembro 28,2019 - Por Chef Aemi Maeda


Olá!

Quando a MARKET9 BRASIL me pediu um texto especial para o NATAL e ANO NOVO, na hora me veio essa receita na mente (Saba kan Daikon ni - サバ缶大根煮).

É uma receita tão simples que eu honestamente, não pensei que pudesse virar um texto ou ser matéria para alguma publicação.


Então por que ela, justamente ela, me veio em primeiro lugar? Deve ser por que eu já a executei várias vezes aqui em casa e foi a primeira receita que eu aprendi aqui na Terra do Sol Nascente.


E foi-me ensinado por uma japonesa, ela não falava português e eu entendo muito pouco de japonês. Foi uma aventura cheia de aprendizados tanto do idioma como da culinária caseira local. Saber o que os japoneses realmente consomem no dia a dia é para mim, um conhecimento à parte. Entender a diferença de paladares, temperos e sabores é algo que me encanta na Gastronomia. E então, essa receita tornou-se especial! Já não me imagino vivendo daqui pra frente sem ela.


É uma receita que além de simples, é bem versátil. Eu já tentei versões com carne de porco em iscas no lugar da “saba” (equivalente ao peixe de nome cavalinha no Brasil).


Acrescentei shitake fatiado e até abóbora cabotiá. Todos os resultados ficaram deliciosos! E depois de muito testar, cheguei à uma conclusão: esse é o tempero japonês. O que para o brasileiro é alho e cebola refogando, para o japonês é dashi, shoyu e mirim. Tem muito mais, mas esse é o trio básico.

Bom... então vamos lá!




Saba kan Daikon ni (サバ缶大根煮) – Cozido de cavalinha enlatada e nabo


Ingredientes

½ nabo

1 cenoura média

1 cebola

Umeboshi sem sementes (ameixa japonesa em conserva) – 3 un.

Cavalinha enlatada (talvez possa ser substituída pelo atum sólido em água) – 1 lata

4 colheres de sopa de shoyu

2 colheres de sopa de saquê mirim (culinário)

2 colheres de sopa de shiro dashi (pode ser substituído pelo hondashi em pó, mas use 1 colher de sopa dissolvida em um pouco de água)

Acredito que todos esses itens possam ser achados no bairro da Liberdade em São Paulo. Caso contrário, para alguns indiquei substituição.


Modo de fazer

Lave e descasque o nabo. Em seguida, corte em cubos médios. Faça o mesmo com a cenoura mas corte em meia lua (para acompanhar o tamanho dos pedaços de nabo).


Corte a cebola em cubos médios ou em pétalas.

Numa panela funda e grossa (de preferência daquelas com fundo triplo) acomode nessa ordem: nabo, cenoura, cebola. A umeboshi sem sementes e partida em pedacinhos um pouco menores. Gente! Não sabia que podia usar umeboshi assim! Como tempero!!!



Fora que ela não se desmancha totalmente então dá para pegar e comer! (risos). Fica suave, uma delícia! Na sequencia, acrescente a cavalinha enlatada (com a água da conserva e tudo) e os temperos líquidos (shoyu, mirim e shiro dashi).

Leve ao fogo médio até iniciar uma fervura e tampe. Diminua imediatamente o fogo para o mais baixo possível e cozinhe até o nabo e a cenoura ficarem macios. De vez em quando, abra e misture delicadamente somente para que todos os pedaços de nabo e cenoura se envolvam no liquido que se forma no fundo da panela.

Decore com cebolinha fatiada finamente e sirva com Gohan quentinho (arroz japonês).


Aproveito para desejar à todos UM PRÓSPERO ANO NOVO!!!


#saba #cavalinha #peixe #daikon #nabo #umeboshi #cozido #chefaemimaeda #culinariajaponesa #japao

36 visualizações
Perfil-Market9.jpg

Market9 Brasil desde 2016.

Aclimação | São Paulo/SP | Brasil

  • Facebook - círculo cinza